5 Motivos para ler Jeffrey Eugenides

IMG_20151105_190454

Jeffrey Eugenides é, sem dúvida, um dos meus escritores preferidos. Não lembro como ouvi falar dele, mas não faz muito tempo. Em 2009, quando morava em residência acadêmica, em Lisboa, me lembro que fui convidada para uma sessão do filme As Virgens Suicidas. Na época eu não tinha a menor ideia que o filme era baseado no livro do JE. Acabei não indo (fui assistir depois) e ainda tirei sarro do título com uma amiga. Mas o tempo passa, você amadurece e as coisas mudam. Agora aqui estou eu, escrevendo um texto praticamente mostrando todo meu amor por Jeffrey Eugenides. Quer saber se você pode vir a amá-lo também? Se estes argumentos aqui embaixo conseguirem te satisfazer, então acho que a resposta é sim.

caraUm é pouco, dois é bom…

Um bom motivo para ler Eugenides é o seguinte: ele escreveu muito pouco. São apenas três livros.  Isso me entristece porque eu adoraria ler muito mais livros dele. Mas três é um bom número para quem quer começar, não? Dá para pegar o espírito da coisa muito rápido, dá até para sair dizendo que já leu as obras completas de alguém. Mas agora, sem brincadeira. Eu já vi o argumento a seguir em algum lugar: JE é de uma geração norte-americana conhecida pela prolificidade. Escrever muito em pouco tempo tem suas vantagens, mas muitas vezes fica claro que o autor está também tentando cumprir metas, atender expectativas e se manter visível no mercado. Não é o caso do Eugenides. Escreveu três romances, com intervalos grandes entre eles, quer dizer: cada projeto é especial. 

6a00d83452366769e200e54f3806428833-800wiNão é do Clube do Bolinha 

Não sei dizer qual seria o tema central dos três romances de Jeffrey Eugenides. Só sei que as mulheres e a forma como elas aparecem no mundo são uma preocupação muito forte nos três livros. No primeiro, As Virgens Suicidas, a história gira em torno da morte das meninas da família Lisbon, reprimidas social e sexualmente. Middlesex, o segundo, é sobre um personagem hermafrodita e, por último, A trama do Casamento tem um triângulo amoroso em que o ponto de vista feminino é o mais importante. Tudo isso é muito resumido, nem chega perto do que cada livro é realmente, mas dá pra ter uma ideia de como os romances de Jeffrey Eugenides não seriam a primeira escolha num círculo de leitura no Clube do Bolinha. 

Jeffrey_EugenidesBoas histórias, boa leitura

A originalidade das histórias é outro ponto forte. Em As Virgens Suicidas o narrador aparece na primeira pessoa do plural. Foi a primeira vez que li um narrador que era “nós”. Em Middlesex, os altos e baixos da família Stephanides fazem do livro uma odisséia. É muito bom acompanhar o vai e vem do tempo com os personagens. Então, se você busca um escritor que vai te surpreender seja na forma de narrar, seja no desenrolar do enredo, JE é uma boa escolha.

56513935Sem elitismo literário 

O autor ganhou um prêmio Pulitzer por Middlesex – além de alguns outros prêmios – e a diretora Sofia Coppola baseou um filme em seu primeiro livro. Eugenides é um escritor aclamado, e suas obras podem ser vistas como cults. A melhor parte, porém, é que seus livros não têm o cult dentro deles. A melhor parte de ler um autor bom é que a histórias que estão ali dentro nunca sentem o peso da fama. Essa é a principal razão do meu amor pelo Jeffrey Eugenides. O legal é que alguém não acostumado com os livros dele vai conseguir ler tranquilamente, e quem gosta de livros mais cults vai conseguir achar ele muito bom.

AVT_Jeffrey-Eugenides_9019Leia. Leia. (Sério, leia)

Se você gosta de estar inteirado sobre o que acontece no mainstream literário, precisa ler Eugenides. A julgar pelo intervalo entre seus livros, mais um par de anos e vai pipocar um outro dele. Se eu fosse você, até lá estaria com a leitura dos três primeiros em dia. Agora, se você não é alguém adepto ao estilo que está na moda, a ênfase é maior ainda: leia. Leia. Você vai se identificar mais ainda. Jeffrey Eugenides não tem nada a ver com o burburinho em volta dele. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s